Balmain by Olivier Rousteing na PFW

O desfile da Balmain que celebrou os dez anos do estilista Olivier Rousteing à frente da direção criativa da casa contou com a presença Beyoncé, Naomi Campbell e Carla Bruni.

Quando assumiu a posição, aos 25 anos de idade, a Balmain tinha uma única loja no mundo – e Olivier era então o primeiro estilista negro a comandar uma tradicional casa de moda francesa. Uma década depois, a grife é um império mundial, queridinha de celebridades, anônimos e apaixonados por moda de todo o mundo.

Na apresentação que aconteceu num formato de festival, Olivier celebra o senso de liberdade, de inclusão e de diversidade, algumas das suas maiores bandeiras até aqui, revisitando looks icônicos de sua trajetória na marca e com participações para lá de especiais, como a de Beyoncé que mandou uma mensagem de áudio parabenizando o criador por suas conquistas, além de Naomi Campbell e Carla Bruni, que desfilaram na ocasião.

Na passarela, um megamix dos elementos fundamentais da Balmain, como a sensualidade, com muita pele à mostra (pernas, barriga e ombros de fora), os vestidos amplos e folgadões em contraponto a outros justíssimos, com drapeados e plissados.

Não ficaram de fora os metalizados, especialmente em dourado com muito movimento e aplicações de franjas, canutilhos e correntes, os curtinhos bordados com motivos que homenageiam a tapeçaria francesa, xadrezes, e aplicações tipo cannage em ráfia.

A coleção verão 2022 da Balmain chega ao Brasil em março do ano que vem, com exclusividades nas boutiques da marca no Shopping Cidade Jardim, no Shops Jardins, ambos em São Paulo, e também no cjfashion.com, com entrega para todo o País.

Publicado por:

Foto de Adriana Mingorance
Revista
Flashes & Fatos
SP Brasil

XPTO-WPC-MONITOR-TAG